Delaudio950x225
Imacustica_950x225_Munique2024_Mix01
Publicidade


Reviews Testes

Eversolo Master Edition DMP-A6 – o tomba gigantes (Follow-Up: novo firmware)

Eversolo DMP-A6_ capa.jpg

Read full article in English

 

Por um preço pequeno, o DMP-A6 chega onde chegam os grandes, e vai deixar o mercado ao rubro.

De vez em quando, o mercado do áudio fica ao rubro com um produto que parece responder a todos os anseios dos consumidores, em termos de qualidade de construção, inovação, ergonomia, design e, o que é mais importante, preço.

O Eversolo DMP-A6 é um streamer/DAC, de origem chinesa, que se vende por 859 euros (1290 euros na versão Master), e cumpre todos os requisitos funcionais e técnicos de um dispositivo da era digital moderna.

A Eversolo é uma subsidiária da Zidoo, uma empresa que produz equipamentos para áudio e vídeo próprios e alheios. O Eversolo Master Edition DMP A-6 é, no fundo, a versão audiófila do modelo Zidoo Neo Alpha, à qual foram retiradas as funcionalidades vídeo para reduzir o preço.

A Eversolo tem uma política promocional radicalmente diferente da concorrência americana e europeia. Em vez de investir milhares de euros em publicidade nas revistas de hi-fi tradicionais, enviou vários exemplares do DMP-A6 para os Youtubistas mais badalados, ditos influencers, que foram passando a ‘palavra’, em alguns casos na ordem dos milhares de visionamentos.

Atestado de saúde elétrica

Mas foi ainda mais longe, quando enviou também um exemplar para a Audio Science Review, onde Amir Majidimehr, sujeita os equipamentos a testes laboratoriais com um Audio Precision 555. Ao passar também no exame técnico com distinção, o Eversolo DMP-A6 matou dois coelhos com uma cajadada: o subjetivista e o objetivista.

Na ótica do utilizador

A mim, compete-me testá-lo ‘na ótica do utilizador’, e verificar se cumpre as especificações, nomeadamente em termos de resolução e compatibilidade, o que nem sempre acontece, diga-se.

Depois dou uma opinião pessoal sobre as funcionalidades e o som, com base na minha experiência, que os leitores devem tomar com uma pitada de sal, e que podem aceitar, rejeitar ou confirmar. Ou, pura e simplesmente, ignorar. Há para aí tanto onde procurar informação sobre o Eversolo Master Edition DMP-A6…

Antes da era digital, quando escrevia no DN, costumava dizer que se os meus artigos (publicados, então, em papel de jornal) servissem no dia seguinte para embrulhar flores no mercado já me dava por feliz. Hoje, nem isso é possível.

Delfin Yanez dá a cara pelo DMP-A6

O Eversolo Master Edition DMP-A6 é o tipo de produto que se vende na Amazon. Mas em Portugal pode ir ouvi-lo (e comprá-lo) na Delaudio e na Imacustica, o que me parece uma opção mais sensata, pois é sempre bom ter alguém que dá a cara pelo produto, no caso de alguma coisa correr mal.

Assim, Delfin Yanez teve a amabilidade de me emprestar um Master Edition DMP-A6 durante um período prolongado (não havia pressa), mais por curiosidade pessoal sobre o que eu iria achar do produto que por interesse comercial da Delaudio, pois já vendeu centenas de exemplares e a minha opinião não aquece nem arrefece o mercado.

Nota: Além do logótipo dourado, as diferenças entre a versão standard do DMP-A6 e a versão Master, aqui analisada, reside na qualidade e precisão do duplo relógio interno (Accusilicon Femtosecond), nos Op-Amps (OPA1612 de ultrabaixa distorção) e na fonte de alimentação comutada com filtragem do ruído de alta frequência até aos 5MZ.

DMP-A6 Master Edition

Tudo o que ler aqui em termos de ergonomia e funcionalidades aplica-se igualmente à versão standard, que custa menos cerca de 400 euros. Quanto muito, as medidas do Master serão ainda melhores. E, eventualmente, a qualidade de som é superior, mas não comparei. Não creio, contudo, que se oiça uma diferença substancial - mas ela está lá objetivamente, patente na qualidade dos componentes. Mas, por razões práticas, a partir de agora, passo a referir-me ao Master apenas como DMP-A6.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - no painel inicial do ecrã tátil pode aceder a: Music (álbuns e faixas armazenadas na memória interna+SSD; Streaming (serviços de música: Tidal, Qobuz, etc.; Files (música armazenadas no disco rígido externo); Source (seleção de fontes); Apps (Cd ripping e Updates) e Settings (configurações saídas de áudio)

Eversolo Master Edition DMP-A6 - no painel inicial do ecrã tátil pode aceder a: Music (álbuns e faixas armazenadas na memória interna+SSD; Streaming (serviços de música: Tidal, Qobuz, etc.; Files (música armazenadas no disco rígido externo); Source (seleção de fontes); Apps (Cd ripping e Updates) e Settings (configurações saídas de áudio)

Ecrã tátil

Quando retirei o DMP-A6 da caixa, a primeira reação foi de surpresa: é muito mais pequeno do que parece nas fotografias. Digamos que é uma miniatura (também no preço) dos HiFi Rose RS150/250A. E cumpre igualmente as funções de Streamer/DAC com a insustentável leveza de um ecrã tátil, que nos leva rapidamente a todo o lado, sem precisar de tirar um curso intensivo, embora eu tenha experimentado algumas dificuldades iniciais na ligação à Internet e na compatibilidade com o Roon e até com o JRiver.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Pode selecionar até 4 tipos de vuímetros diferentes. Basta clicar em VU e fazer scroll com o dedo.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Pode selecionar até 4 tipos de vuímetros diferentes. Basta clicar em VU e fazer scroll com o dedo.

Como eu tenho um Rose RS520, isto é como andar de bicicleta: nunca se esquece. O ecrã tátil do RS520 é muito maior, mas a forma de pedalar é a mesma, incluindo os vuímetros para enfeitar.

Especificações de cortar a respiração

As especificações do DMP-A6 são de cortar a respiração para quem, como eu, só costuma ver estas características técnicas (e esta qualidade dos componentes) em aparelhos que custam milhares de euros – e, mesmo assim, não em todos (ver especificações no final).

Apenas alguns destaques:

  • 2 x DACS ESS ES9038 Q2M com conversão diferencial dupla para resolução PCM até 32-768kHz; e DSD512, além de MQA
  • Interface USB XMOS 316 da 3ª geração para receção e descodificação via USB
  • Bluetooth de alta resolução com base num chip Qualcomm QCC5125, que suporta os codecs: SBC, AAC, aptX, aptX LL, aptX HD e LDAC
  • Circuito integralmente balanceado desde o DAC até às saídas analógicas
  • Relógios internos de alta precisão independentes para os grupos de frequências de 44,1kHz e 48kHz
  • Memória interna de 4GB DDR + 32GB eMMC, expansível com um disco SSD de 4TB M.2 NVME 2280 (pode ripar os seus CD para a memória interna).
  • Além das habituais saídas analógicas: XLR e RCA, e digitais: coaxial, ótica (24-bit 192kHz/DSD64) e USB-C (32-bit 768kHz/DSD512) DMP-A6 oferece também uma saída HDMI para ligar a um Receiver AV, compatível com DS64 nativo multicanal. E pode ligá-lo ao seu PC via USB OTG (On the Go).
  • É possível ligá-lo a um disco rígido externo ou Flash drive via USB e a um NAS via Ethernet (DLNA), além, claro, de streaming via Roon, Tidal Connect, Spotify Connect e acesso a todos os serviços de música e rádio na internet (Spotify, Qobuz, etc.), com recuperação de metadados a partir da nuvem.
  • Gestão personalizada da sua biblioteca por género, álbum, artista, etc. e até frequência de amostragem.
  • E ainda o luxo de componentes Wima, Nichicon, Murata, Omron e Texas Instruments.

Sim, sim, leu bem o DMP-A6 custa 859 euros e a versão Master 1.290 euros. Não me enganei nos zeros…

E, na prática, como funciona toda esta parafernália técnica? Muito bem. Quando o liga à sua rede doméstica, vai fazer os habituais ‘updates’, depois é só navegar nas diferentes opções de configuração e operação no ecrã tátil ou na App (iOS e Android), e siga a marinha.

Filtros para todos os gostos

De realçar ainda que na sua função de DAC, o DMP-A6 oferece todos os sete filtros digitais disponibilizados pelo ESS ES9038 Q2M: Fast Linear (default), Slow Linear, Fast Minimum Phase, Slow Minimum Phase, Apodizing, Hybrid e Brickwall.

As diferenças audíveis são mínimas – mas existem. Na dúvida, opte pelo Default: Fast Linear. Mas saiba que, de uma maneira geral, os filtros do tipo ‘Slow’ têm uma pendente mais precoce (começam a cortar logo aos 16kHz: soam mais ‘doces’ no agudo) e mais lenta também, logo com menor redução do ruído de quantização, mas melhor desempenho temporal; os do tipo ‘Fast’ são mais lineares (flat até aos 20kHz: soam mais vivos) e oferecem mais redução do ruído de quantização acima da banda áudio porque a pendente é também mais rápida. Faça as suas próprias experiências.

Não há saída para auscultadores? Inventa-se

Ao contrário do Rose RS520, o DMP-A6 não tem amplificação, pois funciona apenas como Streamer/DAC e prévio. E tal como este e os modelos RS 150/250 não tem saída para auscultadores, o que é pena, pois dá sempre jeito.

Portanto, a primeira medida que tomei foi ligar o meu DAC/Headamp Chord Hugo 2 à saída USB-A para poder utilizar auscultadores. Claro que esta ligação faz bypass ao DAC do DMP-A6 (e ao controlo de volume), mas permitiu-me avaliar a qualidade e transparência do Streamer. Primeira nota positiva. Não se fica atrás do Rose na função de Streamer.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - É compatível com MQA 352,8kHz

Eversolo Master Edition DMP-A6 - É compatível com MQA 352,8kHz

Naveguei depois pela Tidal no ecrã tátil, de forma rápida e intuitiva, e confirmei que o DMP-A6 faz o desdobramento integral dos ficheiros MQA até 352,8kHz.

Passei para o Roon no meu PC via Ethernet. Ao princípio, fiquei um pouco confuso, porque o Eversolo aparecia identificado no Roon como Zidoo Neo Alfa, embora o Eversolo DMP-A6 conste na lista do Roon, nas categorias Roon Ready e Roon Tested.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Painel de seleção de serviços de streaming e internet radio.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Painel de seleção de serviços de streaming e internet radio.

O Eversolo DMP-A6, contudo, só estava disponível no protocolo AirPlay, que tem limitações (AAC). Mas como a driver do Zidoo Neo funcionou bem, alterei o nome de Zidoo no Roon para Eversolo, e avancei assim mesmo. (Nota: não precisa de mudar o nome para funcionar, claro).

Com Roon via AirPlay, o DMP-A6 está limitado a 44,1/48 kHz. Como todos os Streamers, aliás, pois decorre do codec AAC.

Com Roon via AirPlay, o DMP-A6 está limitado a 44,1/48 kHz. Como todos os Streamers, aliás, pois decorre do codec AAC.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - por vezes, reproduziu DSD128 como PCM 352,8kHz com o Roon(?)

Eversolo Master Edition DMP-A6 - por vezes, reproduziu DSD128 como PCM 352,8kHz com o Roon(?)

Experimentei também a ligação PC/DMP-A6 via USB-C. Com esta ligação, o DMP-6 não oferece na configuração saída para USB-DAC externo, apenas para saídas analógicas. Assim, liguei o DMP-6 a um amplificador Densen (via RCA) e este a um par de colunas Sf Concertino. Também nesta função de DAC/Pre, o DMP-A6 revelou excelente qualidade de som e transparência geral.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Painel de seleção de fontes. Para ouvir música com auscultadores, utilizando o DAC-HeadAmp externo, como o Chord Hugo 2, é esta a configuração que tem de fazer.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Painel de seleção de fontes. Para ouvir música com auscultadores, utilizando o DAC-HeadAmp externo, como o Chord Hugo 2, é esta a configuração que tem de fazer.

Entretanto, inseri uma pen com ficheiros de alta resolução na entrada USB OTG (configurada para External Audio Device), acedi no ecrã em Setting/File e com o Chord ligado à outra saída USB A (Source/USB DAC), ouvi todos os ficheiros áudio com os meus auscultadores até à máxima frequência de amostragem possível.

Com Audirvana, PCM768kHz só é possível com Kernel Streaming e não consegui reproduzir ficheiros em DSD512 nativo.

E isto porquê?

USB Asio Driver

Se utilizar um MAC, a Interface USB XMOS 316 da 3ª geração é, em princípio, compatível com DSD512 nativo. Mas se, como eu, utiliza um PC, vai ter de instalar um XMOS driver para Windows. Acontece que a versão 4.13 do driver dispensado pela Zidoo/Eversolo é de 2017 e não é compatível com DSD nativo (apenas DoP). Atenção que DoP é apenas um protocolo de transmissão (DSD over PCM). Em princípio, o sinal mantém-se no formato DSD. mas há casos em que é feita a conversão prévia para PCM.

Para isso seria necessário que a Zidoo tivesse licenciado a versão XMOS USB driver mais recente da Thesycon, o que já deu origem a discussões acesas no Forum Zidoo.

Nota importante: em 05 de setembro de 2023, a Zidoo disponibilizou finalmente o firmware atualizado para reprodução de DSD512. Eis o link: https://dl.eversolo.com/dac/usb/EversoloUsbAudio_v5.58.0_2023-09-05_setup.exe

Eversolo Master Edition DMP-A6 - O driver USB Asio para Windows disponibilizado pela Zidoo não é compatível com DSD nativo e DSD512. Mas eu consegui dar a volta ao problema , como se prova nesta  foto.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - O driver USB Asio para Windows disponibilizado pela Zidoo não é compatível com DSD nativo e DSD512. Mas eu consegui dar a volta ao problema , como se prova nesta foto.

A utilização deste driver obriga a um licenciamento dispendioso, que teria implicações no preço final (não se pode ter tudo). A Zidoo achou preferível manter o preço baixo, até porque com o driver atual, o DMP-A6 já reproduz praticamente tudo o que 99% dos potenciais consumidores alguma vez vão precisar. Aliás, eu consegui reproduzir DSD512 (Roon+USB-C), apesar de o pessoal no fórum dizer que não é possível (ver foto acima).

Claro que se utilizar o DMP-A6 apenas como Streamer (com DAC externo) pode configurá-lo para streaming de DSD Nativo via USB ou HDMI para um DAC ou Receiver externo. O problema só se coloca se utilizar um PC como fonte. Mas com uma fonte digital desta qualidade, quem precisa de um PC? O objetivo de quem compra um Streamer é ver-se livre do PC. A mim, claro, cumpre-me testar os aparelhos em todas as condições de utilização.

O DMP-A6 dá cartas a um preço imbatível e é o mais forte candidato a Streamer/DAC do ano 2023.
Eversolo Master Edition DMP-A6  não vai deixar os resolution freaks desiludidos (PCM705kHz na foto).

Eversolo Master Edition DMP-A6 não vai deixar os resolution freaks desiludidos (PCM705kHz na foto).

Resolution freaks

Mas isto não passa de uma discussão académica, que interessa apenas aos ‘resolution freaks’, como eu. O DMP-A6 reproduziu os meus ficheiros PCM, DSD e MQA, com a transparência e qualidade de som a que estou habituado com Streamer/DACs de preço mais elevado.

O Eversolo Master Edition DMP-A6  é compatível com Tidal Select (mas não Spotify Select).

O Eversolo Master Edition DMP-A6 é compatível com Tidal Select (mas não Spotify Select).

E a verdade é que a grande maioria dos ficheiros disponíveis em streaming atualmente não vai além de PCM192kHz, na Qobuz, por exemplo. E é aqui que o DMP-A6 dá cartas a um preço imbatível, apresentando-se já como o mais forte candidato a Streamer/DAC do ano 2023, pelo que merece uma forte recomendação do Hificlube.

Para mais informações: DELAUDIO

 

Follow-up

Eversolo DMP-6 e Master Edition (novo firmware)

Do leitor Fernando Ribas (Brasil), que alegadamente iniciou no Forum Zidoo a discussão sobre a incompatibilidade do Eversolo DMP-6 com DSD512 para os utilizadores de Windows, recebemos a informação de que já está disponível o firmware v5.58.0, que permite reproduzir DSD512 com Windows (Foobar, Audirvana, JRiver, etc), desde 05 setembro 2023, sem precisar de artes informáticas, como as que utilizámos para o conseguir. Uma vez mais o Hificlube tinha razão.

Agradecemos a informação ao leitor Fernando Ribas, que não podemos confirmar, porque já não temos o Eversolo DMP-6 na nossa posse (versão Master Edition, no nosso caso). Aqui fica o link para o novo firmware:

https://dl.eversolo.com/dac/usb/EversoloUsbAudio_v5.58.0_2023-09-05_setup.exe

Eversolo DMP A6 capa

Eversolo Master Edition DMP-A6 - no painel inicial do ecrã tátil pode aceder a: Music (álbuns e faixas armazenadas na memória interna+SSD; Streaming (serviços de música: Tidal, Qobuz, etc.; Files (música armazenadas no disco rígido externo); Source (seleção de fontes); Apps (Cd ripping e Updates) e Settings (configurações saídas de áudio)

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Pode selecionar até 4 tipos de vuímetros diferentes. Basta clicar em VU e fazer scroll com o dedo.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - É compatível com MQA 352,8kHz

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Painel de seleção de serviços de streaming e internet radio.

Com Roon via AirPlay, o DMP-A6 está limitado a 44,1/48 kHz. Como todos os Streamers, aliás, pois decorre do codec AAC.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - por vezes, reproduziu DSD128 como PCM 352,8kHz com o Roon(?)

Eversolo Master Edition DMP-A6 - Painel de seleção de fontes. Para ouvir música com auscultadores, utilizando o DAC-HeadAmp externo, como o Chord Hugo 2, é esta a configuração que tem de fazer.

Eversolo Master Edition DMP-A6 - O driver USB Asio para Windows disponibilizado pela Zidoo não é compatível com DSD nativo e DSD512. Mas eu consegui dar a volta ao problema , como se prova nesta foto.

Eversolo Master Edition DMP-A6 não vai deixar os resolution freaks desiludidos (PCM705kHz na foto).

O Eversolo Master Edition DMP-A6 é compatível com Tidal Select (mas não Spotify Select).


Delaudio950x225
Imacustica_950x225_Munique2024_Mix01
Publicidade