Notícias

The Sonus faber: a Fénix renascida

Imacustica2017_The Sonus Faber 2.jpg (1)

Eis uma oportunidade única para ouvir THE Sonus faber, uma coluna de som muito rara (foram fabricados apenas 30 pares, e este é o par nr.2), com um preço que ronda os 200 mil euros!

No âmbito de mais um trabalho a publicar no Hificlube e na revista inglesa Hi-Fi News (talvez na edição de Outubro 2017) sobre as adoráveis colunas híbridas Martin Logan Expression 13A, com painel electrostático passivo e graves activos com processamento DSP e ARC (Anthem Room Correction), andava eu pela Imacústica-Lisboa, quando dei de caras com um par das monumentais THE Sonus faber, no auditório principal, alimentadas por Dan D’Agostino Momentum Preamp/Progression Mono (ler o pdf do meu teste publicado na Hifi News, no final deste artigo aqui). Fui ouvir, claro. Quem resiste a uma tentação destas?

As Majestosas THE Sonus faber no auditório principal da Imacústica-Lisboa, em fase de afinação por Luís Campos.

As Majestosas THE Sonus faber no auditório principal da Imacústica-Lisboa, em fase de afinação por Luís Campos.

Continuam a ser umas colunas com uma personalidade única: poderosas mas discretas, com um palco sonoro amplo e acusticamente esplendoroso, clássicas no design e revolucionárias na tecnologia, igualmente à vontade na música clássica e no hip-hop. E que ‘à vontade’, caramba! O grave tem uma extensão e um controlo pouco comum em colunas com estas dimensões.

THE Sonus faber, a imponência do som italiano

THE Sonus faber, a imponência do som italiano

Foi bom voltar a ouvi-las, mas sobretudo recordar o grandioso evento da sua apresentação mundial em Veneza, do qual fiz uma reportagem que correu mundo, e que os leitores podem agora ler (ou reler, espero), seguindo os Artigos Relacionados, em inglês e em português, no fundo da página, com vídeos exclusivos da apresentação, do ‘cocktail’ de recepção, com a presença de jornalistas e distribuidores do mundo inteiro. E ainda a primeira audição mundial das que eram, então, as ‘Fenice’, mas que tiveram de passar a chamar-se ‘THE Sonus faber’, por causa de uma rocambolesca acção judicial de um pequena empresa italiana, que ninguém conhecia, mas que, por acaso do diabo, se chamava…Fenice. Os luxuosos catálogos foram para o lixo, mas o projecto manteve-se exactamente igual, apenas com um nome diferente. Talvez por isso, tenham ainda mais valor para os coleccionadores.

Neste momento, fazem parte da ‘Colecção Privada’ da Imacústica, mas quem sabe? Isto é como no futebol: se alguém bater a cláusula de rescisão…

O único vídeo do evento que publiquei no You Tube captou o momento solene da ‘revelação’ correu mundo num ápice, e é hoje o 6º mais visto de sempre no nosso canal com 51.587 visionamentos, num total de 2.203.090.

Nada mau para um canal exclusivamente dedicado ao áudio highend, onde não se fala de bola, nem de política, muito menos de socialites. Seja também mais um dos nossos 1.623 subscritores. Basta clicar no ícone respectivo no topo da página.

THE Sonus faber no auditório principal da Imacústica

Haydn e Ed Sheeran, os opostos 'tocam-se':

Imacustica2017 The Sonus Faber 2 (1)

As Majestosas THE Sonus faber no auditório principal da Imacústica-Lisboa, em fase de afinação por Luís Campos.

THE Sonus faber, a imponência do som italiano