2003

As Coisas Que Eu Sei Vi



THETA



Neil Sinclair, Theta


Neil Sinclair tinha-me confidenciado em Las Vegas, na CES2002, que só estava à espera que decidissem qual a norma para a transmissão de sinais de alta resolução para lançar o seu leitor-Universal. Ei-lo: chama-se Compli e toca tudo - mas tudo mesmo - o que existe em disco óptico seja qual for o formato. Tem as 6-saídas analógicas da ordem para o multicanal e saída digital para PCM, DTS e Dolby Digital. E video S-VHS, composto e por componentes (480p). Theta Gen. VIII

Tem ainda uma saída encriptada de alto débito (SACD e DVD-Audio) para ligação ao processador D/A Generation VIII (ver CES, 2003, The Zoo ). Como opção a interface digital SDI para ligação ao módulo externo Theta Ultra Sync II 480p que utiliza a tecnologia de desentrelaçamento Faroudja Directional Correlational DeInterlacing. O sinal é mantido sempre sob domínio digital («ida e volta») evitando algumas «aldrabices» que andam aí com ligação DVI, na qual o sinal é sucessivamente convertido de analógico para digital e viceversa. O Ultra Sync II elimina totalmente o «efeito de escada» nas imagens vídeo.


Foi ainda apresentado o Casablanca III com o novo circuito Jitter Jail que reduz o «jitter» até aos 2ps. Pelo menos o Neil diz que sim...



DENON


A Denon perdeu a cabeça e divulgou o fruto do seu recente casamento com a Marantz: um sistema AV de €40.000 que pretende fazer frente aos Krells, Theta et alia. A principal novidade para nós, audiófilos, é o DVD-1, um transporte Universal (DVD, DVD-Audio, SACD) com saída DVI e iLink, vídeo PAL progressivo, «scaler» e quadriplicador de linhas interno. O resto do sistema é composto por:


AVP-1 - Processador Audio e Unidade de Controlo


AVP-1 - Processador de Video


POA-1 - Amplificador Digital de 7-canais



MARTIN LOGAN


Definitivamente o casamento com Debbie fez bem a Gayle Sanders: a capacidade criativa aumentou exponencialmente. Eu já sabia que havia um novo minisubwoofer na calha, que foi apresentado no Hilton sob nome de código SW1 (ver Las Vegas, CES 2003, O Zoo de M a N, formato pdf). Agora já tem nome: Grotto. Utiliza a mesma tecnologia do famoso Descent e é o par ideal para as colunas ML de pequeno e médio porte, como as Clarity. Também tinha sido abordada vagamente a hipótese de uma «coluna de parede» que surge agora com a designação Fresco. Mas nunca pensei que um modelo logo abaixo das Clarity nascesse tão depressa: Mosaic. G'anda Gayle, com tanto entusiasmo só falta mesmo um bebé - e não me refiro a uma coluna...Mosaic: debaixo da capa está o segredo (ai, você pensava que era um painel electrostático!...)



AUDIO RESEARCH


Na reportagem da CES2003, The Show, que os leitores podem consultar em formato pdf, escrevi assim:
«A AR exibiu o protótipo do preamplificador MP-1, o primeiro prévio multicanal da marca. A construção é modular e, partindo de uma base de 5-canais, podem adicionar-se canais ao ritmo do mercado de formatos. O mostrador é digital mas o sinal não sofre qualquer tipo de processamento sendo o funcionamento integralmente analógico.


Na demonstração fez equipa com a Magnepan. As 6 Magneplanar 20.1 (duas para o canal central!!) soaram..uh..., bem... enormes...como portas de acesso ao paraíso acústico».


Pois bem. A Audio Research lançou o novo amplificador modular multicanal 150M (7x150W) a transístores em Classe T. Podem encomendar de 1 a 7 módulos - é à vontade do freguês...


Segue-se o prévio multicanal MP-1, referido na minha notícia, e cujo aspecto final vai ser mais ou menos o que se vê na foto exclusiva que obtive em Las Vegas.




SACD


A Sony anunciou que vai editar ainda este ano o SACD-multicanal com a banda sonora do filme Chicago. Por muito bom que seja o som, este é um dos tais casos em que opto de caras pelo DVD: no SACD não se vê a Zheta-Jones...


A Mobile Fidelity vai editar o SACD-estéreo de «Blood, Sweat and Tears 3» e «Child Is Father to The Man» será editado pela Sony em 5.1. A Universal que está com um pé no SACD e outro no DVD-Audio e jura que vai pôr em breve o SACD ao preço do CD editou o famoso Peter Framptom Comes Alive. Traz-me boas recordações este disco. Mas, aqui para nós, nos concertos ao vivo, estou cada vez mais virado para o DVD...



DVD-AUDIO


A WEA garante que até ao fim do ano vai lançar o DVD-Audio «Dual Disc» para contrariar a que diz ser a única grande vantagem do SACD: a compatibilidade com o CD.