HIGHEND 2015 - MUNIQUE - REPORTAGEM

HIGHEND 2015 - MUNIQUE - PARTE 8

Auralic Aries Mini DAC/Streamer vai custar menos de 500 euros e tem todas as funções do irmão mais velho Aries. Pode ser ligado a drives externas USB e NAS, e aguenta-se com resoluções elevadas como

A Internet é mais rápida que a própria sombra, por isso apostámos tudo nela há 15 anos, quando outros andavam - e ainda andam - com a boca a saber a papéis de música.


Por outro lado, também pode ser cruel, quando quem vai a um evento acaba por revelar as novidades mais tarde que um sisitante virtual. Na net o que hoje é novidade já se sabia ontem - e amanhã é outro dia, porque as notícias nas redes sociais são como fogo de artifício que morre no próprio acto de nascer, ao explodir de brilho e cor e depressa se desvanece em fumo.


Mas a nossa reportagem não ficaria completa sem revelarmos mais algumas novidades que, no próximo episódio, vamos ver e ouvir em  acção.


Nota: passe o rato por cima da foto e clique na lupa para ver foto maior.


 

Constellation Virgo III tem uma nova placa de circuito. Outra das principais alterações centra-se no circuito de controlo de volume, que deixa de utilizar as resistências controladas por sensores de luz (e ainda bem, porque foi a minha única crítica no teste do Inspiration publicado ha HiFiNews de Julho). Esta informação foi-me facultada pelo próprio Murali Murugasu, que tive o prazer de finalmente conhecer.

Constellation Virgo III tem uma nova placa de circuito. Outra das principais alterações centra-se no circuito de controlo de volume, que deixa de utilizar as resistências controladas por sensores de luz (e ainda bem, porque foi a minha única crítica no teste do Inspiration publicado ha HiFiNews de Julho). Esta informação foi-me facultada pelo próprio Murali Murugasu, que tive o prazer de finalmente conhecer.

Constellation Centaur II aproveitou todos os melhoramentos desenvolvidos para o Hercules II, nomeadamente a utilização de condensadores de maior capacidade, o que se traduz num controlo de grave optimizado. De lembrar que o Inspiration 1.0 tinha um grave superior ao do Centaur II. Já não...

Constellation Centaur II aproveitou todos os melhoramentos desenvolvidos para o Hercules II, nomeadamente a utilização de condensadores de maior capacidade, o que se traduz num controlo de grave optimizado. De lembrar que o Inspiration 1.0 tinha um grave superior ao do Centaur II. Já não...

Crystal Minissimo Diamond Edition, um brinquedo caro mas com um som absolutamente glorioso, alimentadas por um amplificador integrado CCI com Light Drive. A Minissimo utiliza um tweeter dulcissimo da Seas e cablamento interno Absolute Dream. Um sonho absoluto: sempre que entrava na sala não queria acreditar que havia um Crystal Deep Bass ligado tal a integração do som.

Crystal Minissimo Diamond Edition, um brinquedo caro mas com um som absolutamente glorioso, alimentadas por um amplificador integrado CCI com Light Drive. A Minissimo utiliza um tweeter dulcissimo da Seas e cablamento interno Absolute Dream. Um sonho absoluto: sempre que entrava na sala não queria acreditar que havia um Crystal Deep Bass ligado tal a integração do som.

Emm DAC DA2 Reference com circuito DA2 DSP e novo andar analógico.

Emm DAC DA2 Reference com circuito DA2 DSP e novo andar analógico.

Focal Sopra Nr.1 em vermelho Ferrari, e um som a condizer...

Focal Sopra Nr.1 em vermelho Ferrari, e um som a condizer...

Focal Sopra nr.2 Collection, com cores bem ao gosto asiático. De notar as 'entradas de ar' laterais do tweeter (eu não disse que era um Ferrari?...). A linha Sopra é um agradável sopro de música e vai situar-se entre a Electa e a Utopia.

Focal Sopra nr.2 Collection, com cores bem ao gosto asiático. De notar as 'entradas de ar' laterais do tweeter (eu não disse que era um Ferrari?...). A linha Sopra é um agradável sopro de música e vai situar-se entre a Electa e a Utopia.

iFI Retro Series. Um rosto clássico com um coração digital moderno, pois tem lá dentro o premiado iFI DSD Micro. Por falar no Micro vem aí uma versão Pro. Ainda não está pronta, mas vou ser o primeiro a ter um 'test sample', jurou Vincent Luke perante testemunhas...

iFI Retro Series. Um rosto clássico com um coração digital moderno, pois tem lá dentro o premiado iFI DSD Micro. Por falar no Micro vem aí uma versão Pro. Ainda não está pronta, mas vou ser o primeiro a ter um 'test sample', jurou Vincent Luke perante testemunhas...

Depois do fabuloso Kronos, veio o Sparta também com duplo prato contrarotativo. O novo Kronos 5.0 é de prato único, mas pode ser feito um upgrade para duplo-prato, o que o transforma num Sparta. Um bom começo analógico de vida...

Depois do fabuloso Kronos, veio o Sparta também com duplo prato contrarotativo. O novo Kronos 5.0 é de prato único, mas pode ser feito um upgrade para duplo-prato, o que o transforma num Sparta. Um bom começo analógico de vida...

Magico S7. Este protótipo foi acabado de fazer mesmo a tempo do Highend 2015. Utiliza um tweeter muito semelhante ao das M-Pro, onde, aliás, foi buscar a inspiração para o 'voicing', pois utiliza a mesma unidade de médios. Como já não é possível comprar as M-Pro, eis 'the next best thing'...

Magico S7. Este protótipo foi acabado de fazer mesmo a tempo do Highend 2015. Utiliza um tweeter muito semelhante ao das M-Pro, onde, aliás, foi buscar a inspiração para o 'voicing', pois utiliza a mesma unidade de médios. Como já não é possível comprar as M-Pro, eis 'the next best thing'...

Marten Coltrane 3, uma versão mais doméstica das sensacionais Supreme 2, com alinhamento geométrico de fase, com as excelentes unidades cerâmicas Accuton Cell.

Marten Coltrane 3, uma versão mais doméstica das sensacionais Supreme 2, com alinhamento geométrico de fase, com as excelentes unidades cerâmicas Accuton Cell.

Metronome Music Center para armazenar todos os seus ficheiros em alta resolução. Ripa CDs e pode ser controlado por tablets e smartphones.

Metronome Music Center para armazenar todos os seus ficheiros em alta resolução. Ripa CDs e pode ser controlado por tablets e smartphones.

MSB Select DAC tem nova roupagem, com um design modern de linhas redondas. Esta é a versão em dourado, mas havia-as também em preto antracite. O preço que por cá deve rondar os 100 mil euros (!) também é selecto...Pode vir equipado com um relógio Galaxy ou o superlativo femto 33.

MSB Select DAC tem nova roupagem, com um design modern de linhas redondas. Esta é a versão em dourado, mas havia-as também em preto antracite. O preço que por cá deve rondar os 100 mil euros (!) também é selecto...Pode vir equipado com um relógio Galaxy ou o superlativo femto 33.

Paradigm Concept 4F, com tweeter de berílio e com quarto woofers de 216mm (dois à frente e dois atrás), e o design de um carro desportivo. Um autêntico 'statement' da marca canadiana, criado em parceria com a Anthem.

Paradigm Concept 4F, com tweeter de berílio e com quarto woofers de 216mm (dois à frente e dois atrás), e o design de um carro desportivo. Um autêntico 'statement' da marca canadiana, criado em parceria com a Anthem.

PS Audio Bascom H.King 250 Signature (o mesmo génio que criou os circuitos de amplificação da Constellation). Mas este utiliza um andar de entrada a válvulas e o andar de potência é a Mosfets.  E se não quer esperar pelo próximo episódio, o das audições, fica já a saber que não soa como um Constellation...

PS Audio Bascom H.King 250 Signature (o mesmo génio que criou os circuitos de amplificação da Constellation). Mas este utiliza um andar de entrada a válvulas e o andar de potência é a Mosfets. E se não quer esperar pelo próximo episódio, o das audições, fica já a saber que não soa como um Constellation...

Solution 760, o mais sofisticado DAC de sempre da marca suiça. Fonte de alimentação separada, osciladores independente para cada tipo de frequência, ligação a relógio externo, upsampling 8 x de todos os sinais para 24bit-352/384, e compatível com DSD que também converte para PCM, que a Soulution considera um formato de conversão mais fiável...

Solution 760, o mais sofisticado DAC de sempre da marca suiça. Fonte de alimentação separada, osciladores independente para cada tipo de frequência, ligação a relógio externo, upsampling 8 x de todos os sinais para 24bit-352/384, e compatível com DSD que também converte para PCM, que a Soulution considera um formato de conversão mais fiável...

TAD CM1 Compact Monitor com acabamentos exóticos para gostos e carteiras exóticas. A pedido de várias famílias asiáticas...

TAD CM1 Compact Monitor com acabamentos exóticos para gostos e carteiras exóticas. A pedido de várias famílias asiáticas...

Auralic Aries Mini DAC/Streamer vai custar menos de 500 euros e tem todas as funções do irmão mais velho Aries. Pode ser ligado a drives externas USB e NAS, e aguenta se com resoluções elevadas como

Constellation Virgo III tem uma nova placa de circuito. Outra das principais alterações centra-se no circuito de controlo de volume, que deixa de utilizar as resistências controladas por sensores de luz (e ainda bem, porque foi a minha única crítica no teste do Inspiration publicado ha HiFiNews de Julho). Esta informação foi-me facultada pelo próprio Murali Murugasu, que tive o prazer de finalmente conhecer.

Constellation Centaur II aproveitou todos os melhoramentos desenvolvidos para o Hercules II, nomeadamente a utilização de condensadores de maior capacidade, o que se traduz num controlo de grave optimizado. De lembrar que o Inspiration 1.0 tinha um grave superior ao do Centaur II. Já não...

Crystal Minissimo Diamond Edition, um brinquedo caro mas com um som absolutamente glorioso, alimentadas por um amplificador integrado CCI com Light Drive. A Minissimo utiliza um tweeter dulcissimo da Seas e cablamento interno Absolute Dream. Um sonho absoluto: sempre que entrava na sala não queria acreditar que havia um Crystal Deep Bass ligado tal a integração do som.

Emm DAC DA2 Reference com circuito DA2 DSP e novo andar analógico.

Focal Sopra Nr.1 em vermelho Ferrari, e um som a condizer...

Focal Sopra nr.2 Collection, com cores bem ao gosto asiático. De notar as 'entradas de ar' laterais do tweeter (eu não disse que era um Ferrari?...). A linha Sopra é um agradável sopro de música e vai situar-se entre a Electa e a Utopia.

iFI Retro Series. Um rosto clássico com um coração digital moderno, pois tem lá dentro o premiado iFI DSD Micro. Por falar no Micro vem aí uma versão Pro. Ainda não está pronta, mas vou ser o primeiro a ter um 'test sample', jurou Vincent Luke perante testemunhas...

Depois do fabuloso Kronos, veio o Sparta também com duplo prato contrarotativo. O novo Kronos 5.0 é de prato único, mas pode ser feito um upgrade para duplo-prato, o que o transforma num Sparta. Um bom começo analógico de vida...

Magico S7. Este protótipo foi acabado de fazer mesmo a tempo do Highend 2015. Utiliza um tweeter muito semelhante ao das M-Pro, onde, aliás, foi buscar a inspiração para o 'voicing', pois utiliza a mesma unidade de médios. Como já não é possível comprar as M-Pro, eis 'the next best thing'...

Marten Coltrane 3, uma versão mais doméstica das sensacionais Supreme 2, com alinhamento geométrico de fase, com as excelentes unidades cerâmicas Accuton Cell.

Metronome Music Center para armazenar todos os seus ficheiros em alta resolução. Ripa CDs e pode ser controlado por tablets e smartphones.

MSB Select DAC tem nova roupagem, com um design modern de linhas redondas. Esta é a versão em dourado, mas havia-as também em preto antracite. O preço que por cá deve rondar os 100 mil euros (!) também é selecto...Pode vir equipado com um relógio Galaxy ou o superlativo femto 33.

Paradigm Concept 4F, com tweeter de berílio e com quarto woofers de 216mm (dois à frente e dois atrás), e o design de um carro desportivo. Um autêntico 'statement' da marca canadiana, criado em parceria com a Anthem.

PS Audio Bascom H.King 250 Signature (o mesmo génio que criou os circuitos de amplificação da Constellation). Mas este utiliza um andar de entrada a válvulas e o andar de potência é a Mosfets. E se não quer esperar pelo próximo episódio, o das audições, fica já a saber que não soa como um Constellation...

Solution 760, o mais sofisticado DAC de sempre da marca suiça. Fonte de alimentação separada, osciladores independente para cada tipo de frequência, ligação a relógio externo, upsampling 8 x de todos os sinais para 24bit-352/384, e compatível com DSD que também converte para PCM, que a Soulution considera um formato de conversão mais fiável...

TAD CM1 Compact Monitor com acabamentos exóticos para gostos e carteiras exóticas. A pedido de várias famílias asiáticas...