2012

Delaudio: Primare/magnepan 5 X 1.7_ Imersão Total



 


Delfim Yanez, aproveitou o facto raro de ter disponíveis três pares de 1.7 e montou, no auditório principal da Delaudio (visita obrigatória) um setup surround 5.1, utilizando uma Magnepan 1.7 (na horizontal) também como central (ver fotos e videos).


       


 


   



Antes da audição faça uma visita guiada ao 'showroom' onde pode encontrar modelos de todas as marcas comercializadas pela Delaudio, e até algumas que estão saudosamente ausentes do mercado como a excelente Sonic Frontiers.


   


Na Delaudio, há de tudo: desde o highend (Pass, Magnepan, Pathos, Esoteric, etc) até ao middlend (Primare, Thorens, Monitor Audio, etc).   Mas, antes de o espectáculo começar, deixemos que seja o próprio Delfim a explicar as razões desta experiência, que, aliás, está disposto a repetir a pedido de potenciais interessados com o capital e o espaço necessário para integrar esta realidade virtual na realidade da sua vida pessoal.


 


Quanto aos videos são apenas exemplificativos. Nem o som, nem a imagem quer foi possível registar nas condições existentes, se comparam com a verdadeira experiência auditiva e visual no local. A cena da queda na água em Avatar dá-nos a sensação extraordinária de imersão total, que só os dipolos conseguem reproduzir.


Claro que os painéis, apesar da ajuda de um subwoofer, não têm o impacto das colunas convencionais, mas a naturalidade e envolvência do som compensam bem essa ausência de pressão sonora.



   


O Coro dos Escravos é de levar qualquer ouvinte às lágrimas, e só por si justifica a visita. Alguma distorção audível deve-se ao facto de o microfone da câmara entrar em overload com os tutti do coro.


Quanto às cenas de Avatar, esqueça a qualidade da imagem, fortemente afectada pelo reflexo. Com um projector, os resultados teriam sido bem melhores, mas a ideia aqui era avaliar a performance das Magnepan 1.7 numa configuração multicanal.




Com amplificação e processamento Primare, o que ouvi só não foi uma surpresa, porque já há uns bons anos ouvi um sistema áudio composto por 5 x Magnepan 20.1 e amplificação Audio Research. Neste caso, como não havia ecrã, a central 20.1 estava de pé ao centro.


As principais vantagens de um setup de colunas todas iguais são a integração e a coerência. A passagem de testemunho entre elas é 'seamless', faz-se com total fluidez. Mas as Magnepan, sendo dipolos, têm ainda outra vantagem: ambience enhancement, ou seja, o conceito de surround 5.1 ganha outra dimensão na reprodução da ambiência.