Highend 2013 - Munique

Highend 2013: Novidades E-M

Highend 2013 - sala da Elac/Primare, um som high end por um preço low end

Elac (Distribuidor: Ultimate Audio Elite)


FS 409 com o novo tweeter JET5. Grande (e acessível) som com amplificação Primare (“Audições”).

Esoteric (Distribuidor: Delaudio)


O distribuidor alemão da Esoteric juntou-se à Piega para apresentar a Série D2, já disponível no nosso mercado. Não é novidade absoluta, mas o som anda próximo do absoluto em digital.

Highend 2013: a Esoteric fez parceria com a Piega - uma dupla premiada

Highend 2013: a Esoteric fez parceria com a Piega - uma dupla premiada

Estelon (Distribuidor: Ultimate Audio Elite)


Havia Estelon XA em vários palcos. Lindas de morrer e com curvas sensuais. O melhor é esperar pelas “Audições”.


Ah, e há agora a Estelon XB, igualzinha, mas em tamanho mais pequeno, para uma casa portuguesa com certeza...

Highend 2013: uma das várias salas com a Estelon XA Diamond como protagonista

Highend 2013: uma das várias salas com a Estelon XA Diamond como protagonista

Focal (Distribuidor: Topaudio)


Os Focal Spirit One foram agora apresentados em versão audiófila denominada Classic (o Hificlube vai apresentar uma secção exclusivamente dedicada a auscultadores que parecem estar agora em grande moda. Havia ainda a novidade das Scala Utopia V2 e as Diablo folheadas a ouro. Mas foi na sala da Soulution que as Focal deram espectáculo (próximo capítulo: “Audições”).

Highend 2013: showroom da Focal

Highend 2013: showroom da Focal

Highend 2013: Focal Diablo Gold, folheada a ouro - luxo asiático para árabe comprar...

Highend 2013: Focal Diablo Gold, folheada a ouro - luxo asiático para árabe comprar...

Highend 2013: a Soulution tirou o máximo partido da Focal, como se provará nas 'Audições'

Highend 2013: a Soulution tirou o máximo partido da Focal, como se provará nas 'Audições'

Highend 2013: a Trinnov também optou pela Focal para demonstrar a sua electrónica

Highend 2013: a Trinnov também optou pela Focal para demonstrar a sua electrónica

Gryphon (Distribuidor: Ultimate Audio Elite)


Kalliope DAC, com chips ESS Sabre 32-bit e entrada USB, compatível com 32-bit/384kHz,  DXD e DSD;  colunas Trident II com um novo tweeter de fita, com graves activos (1000W). Neste caso, não vai haver audição, porque Rasmussen considera que não há condições dignas.


Na Ultimate Audio Elite há condições dignas, e fica ali em Benfica. Ao menos que no áudio o Benfica tenha gabarito europeu...

Highend 2013: Flemming Rasmussen (Gryphon), num momento de lazer

Highend 2013: Flemming Rasmussen (Gryphon), num momento de lazer

Highend 2013: colunas Trident II com um novo tweeter de fita, com graves activos (1000W)

Highend 2013: colunas Trident II com um novo tweeter de fita, com graves activos (1000W)

Highend 2013: a Gryphon exibiu artilharia pesada, mas guardou os 'tiros' para batalhas privadas

Highend 2013: a Gryphon exibiu artilharia pesada, mas guardou os 'tiros' para batalhas privadas

Kef (Distribuidor: Infinite Connections)


As monitoras XA300 utilizam o famoso altifalante Uni-Q das LS50, mas são activas (Classe A/B 20W, e não Classe D). Têm entradas analógica e USB para o conversor interno (coluna esquerda) de 24-bot/96kHz. Ideal para a secretária do seu computador

Highend 2013: além da novidade dos auscultadores (de que falaremos na secção 'Auscultadores'), a Kef apresentou as activas XA300 com DAC integrado

Highend 2013: além da novidade dos auscultadores (de que falaremos na secção 'Auscultadores'), a Kef apresentou as activas XA300 com DAC integrado

Magico (Distribuidor: Imacustica)


Já sabem que considero que a série S da Magico tem a kind of magic. Depois das S5, eis as S1: altas, elegantes e fininhas, como uma modelo de alta costura. Não só não estavam a tocar, como estavam na penumbra, com um foco apontado, dificultando o meu trabalho de fotógrafo. Mas aqui fica o resultado visual possível. Nota: não utilizo flash mesmo no escuro...)


Fica a foto das S5 alimentadas por Spectral (Ajasom) para aguçar o apetite para a audição.

Highend 2013: as Magico S5 com amplificação Spectral

Highend 2013: as Magico S5 com amplificação Spectral

Highend 2013: Magico S1, a elegante debutante da escuderia Alan Wolf

Highend 2013: Magico S1, a elegante debutante da escuderia Alan Wolf

Magnepan (Distribuidor: Delaudio)


O trio Magnepan composto (da esquerda para a direita) por MG12, MG3.7 e MG1.7 estava em exibição semi-estática na companhia da Belcanto. Não havendo condições de audição talvez seja melhor assim, porque, tal como acontece com as Quad, não foram feitas para estas andanças: precisam de sossego e paz de espírito para poderem ser apreciadas como merecem.

Highend 2013: Trio Magnepan: MG 12. 3.7 e 1.7

Highend 2013: Trio Magnepan: MG 12. 3.7 e 1.7

McIntosh (Distribuidor: Ajasom)


Amplificadores MA6600 e MA7900, aparentemente clássicos, mas com entradas USB HD. Processador multicanal MX151AC.

Highend 2013: McIntosh, a lot of blue power

Highend 2013: McIntosh, a lot of blue power

Metronome (Distribuidor: Imacustica)


Dois novos DACs: C6 Tube e Nausicaa (não, não tem nada a ver com náusea, Nausicaa foi a princesa grega que salvou Ulisses de morrer...); e o CD 10 Universal Blu-ray Player. E ainda um amplificador integrado: ARTP 300SE. Lindo mesmo é o Calypso CD Transport.

Highend 2013: Metronome, arte, beleza e tecnologia, toujours ensemble

Highend 2013: Metronome, arte, beleza e tecnologia, toujours ensemble

Metrum (Distribuidor: Ultimate Audio Elite)


HEX DAC, com 4 chips de alta velocidade de processamento por canal e entrada USB. A Metrum exibiu-se em aprceria com os amplificadores Colotube e as colunas Kaos

Highend 2013: Metrum em boa (e desconhecida) companhia: Colotube e Kaos

Highend 2013: Metrum em boa (e desconhecida) companhia: Colotube e Kaos

Mola-Mola (Distribuidor: Ultimate Audio Elite)


Bom os Mola Mola chegaram a Lisboa antes de Munique. Exibiram-se a grande altura com um par de colunas Lansche mastodônticas. Voltaremos a vergar a “mola”, nas “Audições” integralmente registadas em video. Na Sexta achei o som algo clínico. No Domingo foi dia santo: os Mola Mola estavam a tocar muito melhor. Perguntei a razão ao Bruno: mudei um circuito...

Highend 2013: em primeiro plano, o prévio da Mola Mola, já disponível na UAE

Highend 2013: em primeiro plano, o prévio da Mola Mola, já disponível na UAE

Highend 2013: os Mola-Mola pegaram nas enormes Lansche sem dificuldade

Highend 2013: os Mola-Mola pegaram nas enormes Lansche sem dificuldade

Monitor Audio (Distribuidor: Delaudio)


O distribuidor alemão apresentou quase todas as linhas MA: Platinum, Gold, Radius. Mas optou pelas “velhinhas” Platinum PL 300 para demonstrar o som com amplificação ASR . Aposto que o Delfim Yanez teria optado pelas GX300 Gold.

Highend 2013: foto de família Monitor Audio em Munique

Highend 2013: foto de família Monitor Audio em Munique

Msb Technology (Distribuidor Ajasom)


Os famosos amplificadores-ouriço da Msb estavam lá. Mas a novidade era o novo S200 estéreo com 200W em Classe A. Quanto aos Dacs da família DAC 1V (Platinum, Signature e Diamond) utilizam todos o femtosecond clock. Depois do nanosegundo e do picosegundo, temos o femtosegundo que corresponde a um milionésimo bilionésimo de segundo!! E garante um desvio do sinal original de apenas 0, 077 picosegundos, quando tudo o que seja na casa dos 150 picosegundos já é considerado bom pela indústria do áudio.

Highend 2013: sala da msb com amplificadores msb S200 estéreo e colunas Eventus Io, de Domenico Fiorentino

Highend 2013: sala da msb com amplificadores msb S200 estéreo e colunas Eventus Io, de Domenico Fiorentino

Highend 2013: msb analog dac iv diamond

Highend 2013: msb analog dac iv diamond

Highend 2013: msd analog dac de base, o mais acessível da marca - vende-se em várias cores

Highend 2013: msd analog dac de base, o mais acessível da marca - vende-se em várias cores

Highend 2013: msb m 203 monoblocs

Highend 2013: msb m 203 monoblocs

Highend 2013 sala da Elac/Primare, um som high end por um preço low end

Highend 2013: a Esoteric fez parceria com a Piega - uma dupla premiada

Highend 2013: uma das várias salas com a Estelon XA Diamond como protagonista

Highend 2013: showroom da Focal

Highend 2013: Focal Diablo Gold, folheada a ouro - luxo asiático para árabe comprar...

Highend 2013: a Soulution tirou o máximo partido da Focal, como se provará nas 'Audições'

Highend 2013: a Trinnov também optou pela Focal para demonstrar a sua electrónica

Highend 2013: Flemming Rasmussen (Gryphon), num momento de lazer

Highend 2013: colunas Trident II com um novo tweeter de fita, com graves activos (1000W)

Highend 2013: a Gryphon exibiu artilharia pesada, mas guardou os 'tiros' para batalhas privadas

Highend 2013: além da novidade dos auscultadores (de que falaremos na secção 'Auscultadores'), a Kef apresentou as activas XA300 com DAC integrado

Highend 2013: as Magico S5 com amplificação Spectral

Highend 2013: Magico S1, a elegante debutante da escuderia Alan Wolf

Highend 2013: Trio Magnepan: MG 12. 3.7 e 1.7

Highend 2013: McIntosh, a lot of blue power

Highend 2013: Metronome, arte, beleza e tecnologia, toujours ensemble

Highend 2013: Metrum em boa (e desconhecida) companhia: Colotube e Kaos

Highend 2013: em primeiro plano, o prévio da Mola Mola, já disponível na UAE

Highend 2013: os Mola-Mola pegaram nas enormes Lansche sem dificuldade

Highend 2013: foto de família Monitor Audio em Munique

Highend 2013: sala da msb com amplificadores msb S200 estéreo e colunas Eventus Io, de Domenico Fiorentino

Highend 2013: msb analog dac iv diamond

Highend 2013: msd analog dac de base, o mais acessível da marca - vende-se em várias cores

Highend 2013: msb m 203 monoblocs